Olhar Direto

Segunda-feira, 08 de agosto de 2022

Notícias | Cidades

se aposentou em 2021

Idosa assassinada pelo filho foi servidora do antigo pronto-socorro por 39 anos

Foto: Rogério Florentino / OD

Idosa assassinada pelo filho foi servidora do antigo pronto-socorro por 39 anos
A idosa assassinada pelo próprio filho foi servidora durante 39 anos do antigo pronto-socorro de Cuiabá. Eracy de Campos, de 71 anos, foi encontrada morta na manhã desta quinta-feira (26), no apartamento onde ela morava com Luiz Fernando Januário, 33, conhecido como Bolívia, no bairro Jardim Aeroporto, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá). 

Leia também:
Usuário de drogas é suspeito de matar a própria mãe e manter corpo em casa por dias

Em nota, a Prefeitura de Cuiabá informou que Eracy trabalhava como técnica de enfermagem efetiva no antigo PS, onde atuou na Central de Material e Esterilização – CME. Ela se aposentou em outubro do ano passado.

O prefeito Emanuel Pinheiro e a secretária municipal de Saúde, Suelen Alliend lamentaram profundamente a morte da ex-servidora. “Neste momento de profunda dor para os familiares e amigos da senhora Eracy, peço a Deus que conforte o coração de todos. É uma grande tristeza receber notícias como essa, sobretudo sobre uma pessoa que trabalhou a vida inteira em prol da saúde dos pacientes”, disse o prefeito.

“A senhora Eracy era conhecida por ser uma ótima profissional, muito dedicada ao trabalho no antigo Pronto Socorro. Estamos muito tristes com sua partida. Ela deixa um legado de carinho e de amizade”, comentou a secretária Suelen.

O caso

Conforme a Polícia Civil, há vários dias os moradores do local reclamavam de um forte odor no prédio.  Após observar de qual apartamento vinha, a síndica perguntou a Luiz Fernando, que respondeu que a mãe estaria em viagem.

Os moradores então acionaram Polícia Militar, que  foi impedida pelo filho da vítima de averiguar o local. Em seguida, ele saiu do apartamento, e a equipe entrou e encontrou o corpo da vítima em cima da cama,  em estado avançado de decomposição. A casa também estava toda revirada.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) irão apurar as circunstâncias do ocorrido. 
 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet
x