Olhar Direto

Quinta-feira, 18 de agosto de 2022

Notícias | Cidades

Guardiões do Bioma

Operação da PRF prende 29 pessoas e apreende 456 metros cúbicos de madeira ilegal

Foto: Polícia Rodoviária Federal

Operação da PRF prende 29 pessoas e apreende 456 metros cúbicos de madeira ilegal
A Polícia Rodoviária Federal, com apoio do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (INDEA),  realizou a segunda etapa da Operação “Rotas da Amazônia – Guardiões do Bioma”, entre os dias 6 e 15 de junho, na cidade de Comodoro. Durante as ações, a PRF fiscalizou mais de 500 veículos e 471 pessoas, além de lavrar dezenove registros de Ocorrência Policial por crime ambiental. Ao total, 29 pessoas foram detidas e 456 metros cúbicos de madeira ilegal foram apreendidos.

Leia mais: 
Pesquisadores registram tremor de terra em cidade de MT

As ocorrências mais comuns da operação foram de divergências, alterações e falsificações nas documentações, Guia de Origem Florestal e o Documento de Origem Florestal (DOF). Além disso, também ocorreram crimes ambientais  por “transportar, adquirir, vender madeira sem licença válida”.

1.jpeg

Conforme a Instrução Normativa nº 9 do Ibama, de 12 de dezembro de 2016: o Documento de Origem Florestal, constitui licença obrigatória para o transporte e armazenamento de produtos florestais de origem nativa, contendo as informações sobre a procedência dos produtos

6.jpg

Durante o período da operação a PRF fiscalizou 591 veículos e 471 pessoas, além de lavrar 19 registros de Ocorrência Policial por crime ambiental. Ao total, 29 pessoas foram detidas e 456 metros cúbicos de madeira ilegal foram apreendidos.

A PRF tem como objetivo colaborar na prevenção e repressão de crimes contra o patrimônio, a ecologia, o meio ambiente e demais previstos em lei. Nessas ações foram fiscalizados diversos tipos de veículos nas mais variadas situações.
 
A lei estabelece ser considerado crime ambiental todo e qualquer dano ou prejuízo causado aos elementos que compõem a flora, a fauna, os recursos naturais e o patrimônio cultural. Nesse contexto, a PRF fiscalizou as rodovias federais com o intuito de prevenir e reprimir atos que atentem contra o meio ambiente. Assim, as operações são intensas e rotineiras, com foco no combate a irregularidades e transgressões à lei.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet
x