Olhar Conceito

Sábado, 20 de julho de 2024

Notícias | Literatura

40 mil fotos de Jorge Amado estão disponíveis online

Foto: Zélia Gattai

Caetano Veloso e Jorge Amado

Caetano Veloso e Jorge Amado

“Eu não me considero uma fotógrafa fantástica, maravilhosa, cheia de truques nem nada. Eu só me considero uma fotógrafa que sempre teve oportunidades. Sempre tive sorte de estar com Jorge em momentos muito especiais.”


A frase é de Zélia Gattai. A escritora, que publicou seu primeiro livro Anarquistas, Graças a Deus (Companhia das Letras) aos 63 anos, desenvolveu a paixão pela fotografia na década de 1940, durante os anos de exílio na Europa ao lado do marido Jorge Amado. Foi nessa fase, também, que o casal conviveu com personalidades como Pablo Neruda, Jean-Paul Sartre e Simone de Beauvoir, todas clicadas pelas lentes de Gattai.

O acervo fotográfico de Zélia Gattai é composto por cerca de 40.000 fotografias, a maioria delas registros das viagens de Jorge. Com o apoio do Banco do Nordeste e Ministério da Cultura, o trabalho fotográfico da escritora se encontra em processo de digitalização e ficará disponível num site para consulta. Os negativos das fotos estão guardados na Fundação Casa de Jorge Amado, em Salvador.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui
Sitevip Internet