Olhar Direto

Sexta-feira, 18 de outubro de 2019

Notícias / Cidades

Seduc investe R$ 84 milhões em obras nas escolas de MT

Da Redação/Com Assessoria

01 Jan 2009 - 10:05

O Governo de Mato Grosso investiu este ano o valor de R$ 84 milhões para ampliar, reformar e construir novos prédios escolares em todo o Estado. Durante o ano, a Secretaria de Estado de Educação, responsável pela obras nas escolas, investiu ainda nas adequações dos espaços escolares dentro das normas para PNEE (Portadores de Necessidades Educacionais Especiais), além de ter encaminhado recursos para reformas emergenciais.

Do montante investido, mais de R$ 13 milhões foram aplicados na educação indígena com construção de 70 obras em 34 escolas contempladas, das 57 existentes no Estado. A maior parte, salas anexas toda em alvenaria, com estrutura de cozinha e banheiros para os estudantes. Os prédios oportunizarão atendimento a mais de oito mil alunos. As obras representam 90% da rede física necessária de escolas indígenas de Mato Grosso.

Outra ação desenvolvida este ano foi a cobertura de mais de 70 quadras poliesportivas, com investimento de R$ 21 milhões. A previsão é que até 2011, todas as quadras das escolas recebam cobertura. Este ano, algumas das realizações foram comemoradas com destaque, entre elas a entrega do prédio do Ceprotec, em Pontes de Lacerda, da Escola Estadual Heliodoro Capistrano, em Cuiabá, do prédio do Cefapro, em Diamantino, e da Escola ainda não inaugurada, no Distrito do Paredão, em General Carneiro.

Para a equipe de Estrutura Escolar da Seduc, coordenada pelo secretário adjunto da área, Ezequiel Fonseca, o entendimento foi de ordenamento, organização. “Conseguimos estancar os problemas para atingir resultados”, destaca Fonseca, que assumiu a equipe em 2007.

Um dos instrumentos para atingir as metas foi a implantação da Comissão de Recebimentos de Obras, responsável por avaliar e acompanhar os trabalhos. A Comissão foi criada após a Seduc assumir a execução das obras em 2007, antes na responsabilidade da Secretaria de Estado de Infra-Estrutura (Sinfra).

Conforme o superintendente de Estrutura Escolar, Leonardo Guimarães Rodrigues, a Seduc programa para o próximo ano o investimento de R$ 32 milhões do Programa de Ações Articuladas (PAR), parte para construções de escolas de Ensino Médio Integrado (EMI) e outra para as novas escolas na área urbana e rural.
Sitevip Internet