Olhar Direto

Notícias / Cidades

Secretário estadual é contra retorno das aulas e avisa: "teremos dias mais difíceis"

Da Redação - Max Aguiar

26 Mai 2020 - 10:20

Foto: Christiano Antonucci - Secom MT

Secretário estadual é contra retorno das aulas e avisa:
Com 1.464 casos confirmados e 43 mortes, o secretário de saúde de Mato Grosso, Gilberto Figueiredo disse que não acredita no retorno breve das aulas presenciais na rede ensino público e particular.

Leia mais:
Secretário diz que famílias contestam atestado de óbito por proibição de velório a vítimas de Covid-19

O governo de Mato Grosso já tinha decretado a suspensão das aulas por tempo indeterminado por conta da pandemia do coronavírus em Mato Grosso. Durante a live desta terça-feira (26), Gilberto confirmou que não é a favor do retorno às aulas. 

“A volta as aulas de forma tradicional só será realizada quando tivermos condições de segurança para os alunos, vejo que a própria sociedade vai cobrar mais conforto e segurança”, ressaltou Gilberto.

O secretário de saúde explicou que o ciclo da doença ainda está no início, que é mais prudente manter as aulas suspensas para evitar contaminações entre os estudantes e seus familiares, salvando assim muitas vidas, e evitando um colapso no sistema de saúde.

Fazendo um previsão não muito otimista sobre os casos confirmados de pacientes com coronavírus no estado, Gilberto disse: “teremos dias mais difíceis, nós teremos números muito maiores”.

Desta forma, o secretário de saúde defende a manutenção da suspenção das aulas, até porque, o estado não tem condições estrutural e técnica para dividir as turmas, como forma de prevenção ao manter o distanciamento entre os alunos.

Neste período de aulas presenciais suspensas, o governo do estado está disponibilizando conteúdos via internet, como também pela televisão, através do TV Assembleia, com intuito de mantes os estudantes informados dentro da grade curricular de ensino.

“As aulas devem voltar quando tivermos segurança que o retorno dos alunos à sala de aula não vai ampliar de forma significativa a infecção no Estado de Mato Grosso. A própria população vai reivindicar aquilo que seja mais confortável e seguro para todos”

Para aqueles estudantes com menos condições, o governo está também disponibilizando 55 mil ktis alimentação, com objetivo de garantir a segurança alimentar dos alunos.

A Secretaria de Educação do Estado (Seduc) informou que para aqueles alunos que não tem acesso a internet, estão sendo oferecidas apostilas.

15 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • arabe
    28 Mai 2020 às 06:42

    o profeta voltou...teremos dias sombrios e seu salario pode nao sair mais de nossos bolsos ...economia quebrada querendo reagir e certas pessoas ficam propagando sombrias profecias ao inves de incentivar a economia pois de qualquer jeito escondido ou de peito aberto ou melhor sem mascaras devemos conviver com esse virus letal ou nao ...só nao podemos ficar em escritorios com ar condicionados e geladeira cheia profetizando...tira quem vive na rua e de trabalho a eles vamos começar combatendo o virus por ai profetas

  • Eleitor atento
    27 Mai 2020 às 06:57

    Entendo que é possível o retorno das atividades econômicas, desde que tomar as precauções é cuidados necessários. Não podemos ficar esperando milagres. Já em relação ao retorno das aulas acho extremamente temeroso a retomada neste momento. É impossível haver controle de distanciamento em um ambiente que, via de regra atende no seu limite de capacidade. Além do que estamos falando de crianças e adolescentes que, podem contrair o vírus nesse ambiente e levá-lo à contaminar membros da família. Não vejo logística capaz de dar as garantias necessárias de que nossos filhos ficarão seguros caso as aulas retornem. Entendo que há possibilidade de continuidade das aulas online e cado não seja suficiente, prefiro que meus filho perca um ano de estudo, do que colocar sua saúde, sua vida e de seus familiares em risco.

  • Joao
    26 Mai 2020 às 19:09

    Volte somente quando houver vacina. A morte é irreversível!

  • Valnice
    26 Mai 2020 às 18:47

    Sou contra o retorno às aulas. Vai ser um caos essas crianças e adolescentes nas escolas exalando vírus pra todo lado, inclusive infectando seus familiares. Não é pânico, é realidade. A verdade, é que tem muita mãe que não aguenta mais ficar com os filhos em casa, não veem a hora de despachar as crianças pra escola. O isolamento social não é confortável pra ninguém, mas a hora é de esforço de todos. Prefiro que meus filhos percam de ano, do que adoeçam com essa doença imprevisível.

  • Para Lucinei
    26 Mai 2020 às 16:45

    Lucinei, não tem tv e internet para sua filha estudar, mas tem internet para você postar comentário aqui?

  • Jorge Oyama
    26 Mai 2020 às 16:12

    Parabéns secretário. Não se esmoreça com comentários de pessoas sem estudo científico. Isolamento social é nossa única esperança. VIDAS em primeiro lugar. Cancelem ano letivo. Jovens têm uma vida pela frente. Se coronavirus pegar podem não ter futuro.

  • RENAT
    26 Mai 2020 às 15:06

    COM A VOZ O MESTRE DOS MAGOS, ISSO QUE DA NÃO COLOCAR ALGUEM ESPECIALIZADO EM SAÚDE PARA SER SECRETARIO DE SAÚDE, DEVIA FALAR MENOS E FAZER MAIS TESTES DO COVID-19 NA POPULAÇÃO POIS ATÉ 18/05/2020 O ESTADO SÓ TINHA FEITO 3926 TESTES

  • Cleber
    26 Mai 2020 às 13:50

    Acho que o governo de MT já tem exemplos positivos (MG, PR e RS) e negativos (SP, CE e PE) a se seguir.

  • Eleitor
    26 Mai 2020 às 13:45

    sinceramente eu fico me perguntando como alguém pode afirmar que teremos dias mais dificieis? O Secretário teria até condições de dizer isso se o Estado estivesse fazendo testes o tempo todo com a população! Mais tudo que dizem é no chute.. Eu diferente destes políticos e daqueles que querem que morram milhares de pessoas para comprovar alguma coisa eu torço para que a doença já esteja no fim e que ninguém mais seja contaminado e acredito que todos tem que usar a mascara, e manter o distanciamento social para evitar qualquer contaminação porque é fato que o vírus ainda esta circulando mais dai dizer que vamos ter dias difíceis é mais chutômetro e isso só causa panico e nao ajuda em nada...

  • Marcos Samaro
    26 Mai 2020 às 13:33

    Este secretário não está bem! Pico, curva, etc.... só fala besteira. Fique calado! Governador, toma providência!

Sitevip Internet