Olhar Conceito

Terça-feira, 28 de setembro de 2021

Notícias / Comportamento

solidariedade

Artistas se mobilizam em prol de vaquinha virtual para custear cirurgia de Anna Marimon

Da Redação - Thaís Fávaro

30 Jul 2019 - 15:17

Foto: Arquivo Pessoal

Artistas se mobilizam em prol de vaquinha virtual para custear cirurgia de Anna Marimon
Artistas de Cuiabá e de várias partes do país se mobilizaram nas redes sociais para ajudar a custear a cirurgia da artista plástica Anna Amélia Marimon, de 59 anos, que fraturou o punho direito no último dia 22 de julho e precisou ser submetida uma cirurgia de emergência, sob o risco de perder os movimentos da mão. O custo médio da cirurgia e acompanhamento médico ficou em R$ 12.800. Artistas como Sodré, Clovis Irigaray, Mario Friedlander, entre outros, doaram diversas obras que serão entregues de acordo com as doações feitas na “Vakinha Virtual”.
 
Leia mais
Multiartista desde a infância, gaúcha cria acessórios em couro em Cuiabá
 
Além dos artistas já citados, Adriana Milano, GORA, Sika Ishizuka, Lucas Ninno, Vera Capilé, Wuldson Marcelo, também contribuíram com peças doadas para a realização da vaquinha. São pinturas, desenhos, fotografias, livros, ensaios fotográficos, peças de vestuário, entre outras, que serão sorteadas aos participantes. No link da iniciativa, é possível verificar, em uma tabela, os valores das categorias de premiações.
 
Desde a década de 1970, Anna Marimon povoa a cultura no Centro-Oeste do Brasil com seus desenhos, pinturas, esculturas e trabalhos em couro. Com uma produção artística intensa e extensa, seus contos e escritos preencheram longas páginas nos periódicos cuiabanos, como na saudosa Folha do Estado. Os poemas declamados nos saraus, as intervenções pela cidade, as peças de teatro. Tudo compõe o seu universo de arte. Anna Marimon representa uma geração de artistas que ajudou a formar a história da cultura e da arte em Mato Grosso, e especialmente em Cuiabá. Seu trabalho incansável – diga-se de passagem - precisa continuar.
 
Emocionada com a movimentação dos artistas, Anna Marimon ressalta a importância da união e da resistência: "A cultura e a arte possuem esse papel fundamental de formar redes afetivas de apoio. Todos que vivem a realidade da arte no Brasil sabem como é difícil sobreviver através da cultura, sempre relegada ao segundo ou até último plano. São essas demonstrações de amor que nos fazem resistir frente a tempos incertos como vivemos atualmente", disse.

Essa dedicação à arte e aos artistas, ampliando os espaços de inserção e participação, contribuindo com os novos que se arriscam à dura lida da cultura, são marcas expressivas da essência da artista. A pronta contribuição dos artistas evidencia o seu histórico de atuação pelas artes.

Histórico da artista

Natural de Santa Maria (RS), Anna Marimon chegou em Cuiabá em 1976. Desde o início participou ativamente da vida cultural da cidade. Marcou presença nos I, II e III Salão Jovem Arte Mato-grossense, obtendo o grande prêmio Prefeitura Municipal no primeiro, participação hors concours no segundo e prêmio Fundação Cultural de MT no terceiro (Cuiabá 1976/77/78). Em 2016, no retorno do Salão Jovem Arte, em sua 25ª edição, venceu o segundo lugar com a obra autobiográfica "...E o tempo". Neste mesmo ano, integrou a mostra Exposição Substantivo Feminino no Museu de Arte de Mato Grosso. Ainda em 2016, Anna Marimon montou exposição própria no Museu de Arte e Cultura Popular (MACP) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). 

Para contribuir com a vakinha basta acessar o link.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Redes Sociais

Sitevip Internet