Olhar Jurídico

Sábado, 18 de maio de 2024

Notícias | Constitucional

Comissão de Trânsito

Amarelinhos sofrem agressões e ameaças de atropelamento

Foto: Reprodução

Presidente da Comissão de Direito do Trânsito da Ordem dos Advogados do Brasil – seccional Mato Grosso (OAB/MT), Thiago França Cabral

Presidente da Comissão de Direito do Trânsito da Ordem dos Advogados do Brasil – seccional Mato Grosso (OAB/MT), Thiago França Cabral

O presidente da Comissão de Direito do Trânsito da Ordem dos Advogados do Brasil – seccional Mato Grosso (OAB/MT), Thiago França Cabral, afirmou que os agentes de Trânsito e Transporte, popularmente conhecidos como “Amarelinhos”, estão sendo agredidos e ameaçados porque estão fiscalizando e multando motoristas que não respeitam a legislação. Em um dos casos um agente chegou a ser atingido por uma marretada ao orientar um motorista.


De acordo com o advogado, a comissão recebeu uma denúncia de que os amarelinhos estariam sofrendo retaliações, agressões e ameaças de atropelamento por parte de motoristas, o que tem gerado inúmeros boletins de ocorrência por parte dos profissionais.

“Eles estão levando tapas, sendo xingados porque simplesmente estão aplicando multas decorrentes de infrações como estacionar em local proibido, não respeitar a faixa de pedestre, ultrapassar o sinal vermelho. O problema é que em Cuiabá há muitos anos não havia uma fiscalização tão rigorosa nas ruas. Mas, nós defendemos esses profissionais porque o cumprimento das normas de trânsito é uma questão de cidadania”, declarou o presidente da Comissão na OAB.

As denúncias foram apresentadas pelo advogado na terça-feira (17) na câmara de Vereadores de Cuiabá. No mesmo dia o diretor de trânsito da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte Urbanos (SMTU), Jackson Messias de Souza, disse que “em cada esquina há uma dupla de amarelinhos para dar fluidez e organizar o trânsito”; que em decorrência das obras de mobilidade urbana a determinação da SMTU é “orientar, coordenar e só em último caso multar”.

Conforme o secretário, um dos agentes municipais foi agredido com uma marretada na cabeça por um motorista na noite do dia 28 de junho. A agressão aconteceu depois que o agente orientou o motorista a não entrar em uma via porque estava na contramão. Para o diretor de trânsito o fato se trata tentativa de homicídio, uma vez que o homem atacou o agente por trás, com uma pancada violenta.

As informações são da assessoria da OAB/MT.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet