Olhar Jurídico

Quinta-feira, 26 de maio de 2022

Notícias | Criminal

crime no Alphaville

Internação aplicada a menor que matou amiga com tiro na cabeça passa por segunda reavaliação um ano após sentença

Foto: Rogério Florentino

Internação aplicada a menor que matou amiga com tiro na cabeça passa por segunda reavaliação um ano após sentença
Internação imposta em face da adolescente acusada de assassinar com um tiro na cabeça a vítima Isabele Guimarães Ramos, 14 anos, no condomínio Alphaville, em Cuiabá, deve ser reavaliada ainda no mês de janeiro de 2022. Será a segunda reavaliação. Na primeira, ainda em 2021, a internação foi mantida.

Leia também
Justiça determina retirada de tornozeleira instalada em ex-secretário de Administração

 
Conforme sentença proferida em 19 de janeiro de 2021 pela juíza Cristiane Padim da Silva, da 2ª Vara Especializada da Infância e Juventude de Cuiabá, a medida socioeducativa deve ser reavaliada semestralmente.

Ainda conforme sentença, a internação foi inicialmente aplicada levando em conta a prática do ato infracional equiparado ao crime de homicídio qualificado em face de Isabele Guimarães.

O crime aconteceu em julho de 2020 e ganhou repercussão nacional após ser publicizado pelo programa dominical Fantástico, da Rede Globo. A atiradora está internada no Lar Menina Moça, em Cuiabá.
 
Conforme apurado pelo Olhar Jurídico, ainda não há manifestação no processo. Laudo psicossocial será apresentado. Depois, manifestação do Ministério Público é aguardada. A defesa também terá a oportunidade de se manifestar. Finalizando, o juízo da 2ª Vara Especializada da Infância e Juventude de Cuiabá concluirá a reavaliação.

Processo segue em segredo. 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet