Olhar Jurídico

Domingo, 21 de abril de 2024

Notícias | Empresarial

SEM AUTORIZAÇÃO

MPF abre inquérito para apurar irregularidades em empresa de odontologia em MT

Foto: Reprodução

MPF abre inquérito para apurar irregularidades em empresa de odontologia em MT
O Ministério Público Federal (MPF), por meio de uma portaria assinada pela procuradora da república Denise Nunes Rocha Müller Slhessarenko, decidiu abrir um inquérito para apurar supostas irregularidades na empresa Sorrir Odontologia. No documento, assinado no último dia 28 de fevereiro, foi citado uma possível falta de autorização para o funcionamento do local. 

Leia mais: 
Desembargadores decretam intervenção na Saúde de Cuiabá; veja votos


Ainda de acordo com a portaria, a empresa chegou a ser representada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) por suposta falta de autorização para atuar na área de odontologia. Segundo o MPF, há na ANS processo administrativo instaurado desde 2017 sem a conclusão pela legalidade ou não da atividade exercida. 

O MPF afirmou ainda que diante dos elementos de prova já colhidos, há a necessidade de um aprofundamento de investigação para compreender se existem irregularidades no funcionamento da empresa. Diante da situação, foi aberto um procedimento de inquérito para apurar as possíveis irregularidades. 

Em Mato Grosso existem três unidades da empresa, localizadas em Cuiabá, Sinop e Rondonópolis.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet