Olhar Jurídico

Sexta-feira, 12 de abril de 2024

Notícias | Criminal

CÂMARA CRIMINAL

Acusado de participação na morte de sargento da Polícia Militar recorre ao TJMT por liberdade

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Acusado de participação na morte de sargento da Polícia Militar recorre ao TJMT por liberdade
O desembargador Marcos Machado, da Primeira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), recebeu o habeas corpus em busca de liberdade protocolizado por Izaias Fernando da Silva, suspeito de auxiliar na fuga de três criminosos que assaltaram uma loja de eletrodomésticos em Diamantino (188 km de Cuiabá). A ação terminou com a morte do sargento da Polícia Militar, Joilson Martins, 44, que, mesmo de folga, tentou impedir o roubo.

Leia mais:
Estudante de Direito presa por assassinato de PM entra com pedido de liberdade no STJ


O assalto foi interrompida pelo sargento, que, a paisana, percebeu a movimentação e abordou dois dos fugitivos em uma moto. Enquanto um deles se deitava no chão, como comandado pelo PM, o outro efetuou os disparos. Deste modo, eles conseguiram se reunir com os outros criminosos e sair da cidade.

O veículo utilizado pelos bandidos, no entanto, estragou na estrada, fazendo com que três deles se embrenhassem por um matagal. Izaias, que resolveu voltar para o município, pegou uma carona, e foi preso assim que chegou a Diamantino.

Depois do ocorrido, o sargento Joílson foi transferido para Cuiabá em um helicóptero da Secretaria de Segurança Pública, e encaminhado à unidade hospitalar, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na noite de terça-feira. Ele estava na Polícia Militar desde 1993.

Da loja assaltada foram levados aproximadamente R$ 7 mil em dinheiro, e diversos itens eletrônicos, como aparelhos celulares.

A ocasião também resultou na prisão da estudante de Direito Eni Marines Rosa de Barros. Segundo as investigações, a jovem trabalhava no estabelecimento e possuía um relacionamento com um dos suspeitos. Izaias Fernando Silva teria confirmado a informação em depoimento.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet