Olhar Jurídico

Domingo, 26 de junho de 2022

Notícias | Política de Classe

OAB - MT

Moreno chama Stábile de omisso com atraso de análises do pedido de impugnação

Foto: Reprodução

Moreno chama Stábile de omisso com atraso de análises do pedido de impugnação
O candidato do grupo de oposição à Presidência da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso, José Moreno, criticou, por meio de nota de repúdio, a atuação do atual presidente, Cláudio Stábile, frente a uma suposta morosidade da comissão eleitoral na análise de pedido de impugnações.

Moreno quer que OAB seja Casa das Liberdades Democráticas

Na nota de repúdio, assinada pela chapa 02, “A OAB é Muito Mais”, a comissão eleitoral é acusada de se abster em analisar os pedidos de impugnação no prazo previsto no Provimento 146/2011, do Conselho Federal da OAB.

Cláudio Stábile, no entanto, negou em entrevista ao Olhar Jurídico que as análises estejam atrasadas e garantiu que os pedidos serão analisados até quarta-feira. A eleição será na sexta-feira (23). “A comissão eleitoral irá se reunir nesta terça e quarta-feira e as análises estarão prontas na quarta”, garantiu.

Stábile afirma que o cronograma está sendo rigorosamente cumprido. “O prazo é de dias úteis e tivemos muitos feriados nesses últimos dias”, afirmou. Além de assegurar que tudo está no tempo certo, o presidente afirma que tem acompanhado o trabalho da comissão. “São advogados que estão trabalhando de maneira voluntária para contribuir com a classe”, opinou.

Confira abaixo a íntegra da nota de repúdio de José Moreno.

NOTA DE REPÚDIO

A Chapa 02 "A OAB é Muito Mais" torna público e repudia a conduta adotada pela Comissão Eleitoral da OAB/MT que se absteve de analisar os pedidos de impugnação no prazo previsto no Provimento 146/2011 do Conselho Federal da OAB, dando margem à possibilidade de votação em chapas que sequer foram homologadas, gerando insegurança jurídica no pleito que será realizado no dia 23 de novembro de 2012.

O atual presidente da OAB/MT, Cláudio Stábile, que deveria estar zelando pelo estrito cumprimento dos prazos da Comissão Eleitoral, por ele nomeada, também omite-se do seu papel institucional para ocupar-se em pedir votos ao seu candidato a presidente.

Essa atitude sugere a existência de um esforço para beneficiar a chapa situacionista, bem como reforça a suspeita da utilização da instituição para fins eleitoreiros em prol do candidato Maurício Aude.

A Chapa 02 registra que lutará incessantemente pelo estrito cumprimento dos preceitos legais e pela lisura de todo o processo eleitoral, e não se calará diante de qualquer ato incompatível à legalidade.

Membros da Chapa 02 "A OAB é Muito Mais"
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet